resenhas

[Resenhas][slideshow]

[RESENHA] 1793


Olá Leitores!

Páginas: 432 | Autor: Niklas Natt och Dag | Editora: Intrínseca | Ano: 2020 | Gênero: policial, ficção histórica | Tradutora: Fernanda Abreu

Li poucos livros suecos, então acabei me animando para conhecer 1793. Esse é um livro que se passa exatamente no ano referente ao título. Ele capta uma Suécia sombria, miserável e impiedosa, como provavelmente era na época. Logo no início, um corpo é encontrado por um sentinela chamado Cardell em situações horripilantes.

O caso é levado para ser investigado por Winge, que chama Cardell para ajudar nessa investigação. Cardell e Winge são personagens marcados pela época perversa. Cada um possui seus traumas e sequelas, que conhecemos ao longo do livro. A investigação os leva a crer que a brutalidade com que o corpo foi deixado pode se tratar de algo mais, como algo referente a questões políticas.

A leitura é dividida em várias partes, onde conhecemos a perspectiva e a vida de outros personagens. A partir daí, o livro perde um pouco da investigação, e passa a ter mais drama. O relato dos personagens, e suas histórias, me chocou bastante por ser algo cruel, mesmo que possa ser algo normal para a época.

Eu já vi o mundo Sr Winge. Os seres humanos são vermes mentirosos, um bando de lobos sedentos por sangue que só deve estraçalhar uns aos outros em sua luta por poder.

Acabei não curtindo tanto a leitura porque comecei a ler o livro imaginando se tratar somente de uma leitura policial, com ficção histórica, então acabei me perdendo um pouco na descrição de outros personagens, e no drama que acaba envolvendo a história.


Isso não impediu a fluidez da leitura. Me surpreendi por ser um livro que dá de ler bem rápido, porém nem isso me fez me conectar com a história totalmente. Tive a impressão de que o assassinato, que é foco da investigação principal, é perdido em alguns momentos, e somente depois retomado.

Embora, para mim, isso tenha atrapalhado apreciar a leitura, esses são elementos que contribuem bastante para o desfecho, e que só fui perceber no final. A leitura conseguiu me transmitir perfeitamente uma imagem de como era a época, assim como imaginar que a tensão política era um dos principais fatores para o colapso.

A lei não faz o menor esforço para compreender os condenados. Como é possível alguém ter esperança de impedir os crimes de amanhã sem tentar entender os que foram cometidos hoje?

O desfecho também me surpreendeu por conter um plots magníficos que me deixaram bem pensativa. Gosto muito quando me sinto devidamente pega de surpresa e foi isso que senti quando cheguei nas últimas páginas. A leitura agrega bem mais que isso e me fez refletir sobre questões como injustiças e poder, e até onde isso deve ser algo que pode ser abusado.

É triste e doloroso ler alguns trechos do livro. Ele é pesado em alguns momentos, e não recomendo a leitura para menores, e para pessoas sensíveis. O livro tem uma linguagem explícita, o que torna tudo uma situação possivelmente mais real.


ADQUIRA SEU EXEMPLAR NA AMAZON:

11 comentários:

  1. Oi, Leyanne como vai? Caramba, fiquei interessado em ler este livro, pois gosto muito do gênero e sua resenha despertou completamente meu interesse em lê-lo. Que chato a leitura não ter lhe agradado como você gostaria. Ótima resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Leyanne, tudo bem?
    Gostei muito de saber sua opinião sobre o livro.
    Eu salvei o nome do Skoob umas semanas atrás porque adoro livros policiais e nunca li um ambientado nessa época. Estou curiosa pra ver se vai me surpreender.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  3. Oi Leyanne, parece uma trama mais puxada ao drama e tem uma boa ambientação. Não é algo que eu leria no momento, mas achei bem interessante!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Acho que o único livro sueco que li foi a série Millenium kkkkkk
    Nossa, eu fiquei de cara ali com o lance de ser mais puxada pro drama. Jurava que seria mó investigação e tals...
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  5. Menina, não conhecia o livro. Mas fiquei morrendo de vontade de conferir, primeiro por ser sueco, segundo, por ser de época e pelo gênero do livro.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  6. Oii
    Não conhecia o livro mas pela sua me interessei bastante nele e já deixei anotado, quem sabe eu leia futuramente.

    Beijinhos
    http://focadasnoslivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    Eu adoro thrillers nórdicos, então super fiquei curiosa em relação a este, e imagino que seja pesadinho mesmo.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  8. Que edição linda (e com um mapa ainda por cima, amooo haha). Eu gostei bastante da premissa, sem falar que amo uma trama com vários plot twists no final. É uma pena que não tenha sido uma leitura que não funcionou em sua totalidade pra você, é bem chato quando isso acontece. Vou pesquisar mais um pouco sobre a obra e vejo se dou uma chance. Adorei a resenha!

    Abraços!
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  9. Para falar a verdade, acho que nunca li livros suecos... Achei interessante essa dica de leitura, pois sempre imagino a Suécia como é hoje, mas não como foi em seu passado sombrio e tenebroso. Mas sendo um livro tão forte assim, eu não sei se teria estômago para ler, mesmo assim. =/
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  10. Parece ser um livro genial.

    Bom fim de semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  11. Oi Leyanne,
    Não me lembro de ter lido na sueco. Deve ser uma experiência interessante, ainda mais pela proposta do livro ser mais pesada. Não o conhecia!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Dicas de Fantasia

[Fantasia][stack]

3 motivos para ler

[3 motivos][grids]

dicas para blogs literários

[Dicas para bookstagram][btop]

lidos do mês

[lidos do mês][grids]