CLÁSSICOS LITERÁRIOS QUE NÃO ENVELHECEM NUNCA

25 de janeiro de 2020


Quando comecei a minha vida de leitora eu não era muito fã dos clássicos. Vivia correndo disso porque todas as vezes que tentava me aventurar em alguma obra, me via sendo engolida pelo tédio e não conseguia sentir aquela conexão com as histórias e os personagens, por isso nunca entendia muito bem o porque de tais obras serem consideradas clássicas. 

Claro, comecei as minhas leituras de obras mais "sérias" aos 10/11 anos então é compreensível eu não entender ou me identificar com os enredos. Eu não acho que alguém seja menos leitor que o coleguinha apenas porque não leu ou porque não gostou de tal obra que é endeusada por grandes massas. Para mim, um leitor é aquela pessoa que ama as palavras e que gosta de usá-las para viajar para muitos lugares e viver muitas vidas.

Também tenho que confessar que alguns clássicos não me agradaram nem um pouco e que quando os vejo até mesmo torço o nariz. Acho que se aventurar por uma obra antiga é uma aventura diferente. Algumas envelheceram bem, outras nem tanto mas cada uma tem um motivo para ser tão "grande" no mundo literário e eu mesma, hoje em dia, gosto de as ler para ter a minha opinião formada, sendo ela positiva ou não. Mas ler clássicos costuma não ser a primeira opção dos leitores, na minha opinião, por não ser uma leitura fácil, muitas vezes necessitando de uma leitura calma.

Dos livros clássicos que li, alguns me marcaram completamente e se tornaram inesquecíveis. Outros me fizeram querer distância de outras obras do mesmo autor, porque com o tempo, as ideias expressas ali acabaram se tornando muito ultrapassadas. Principalmente porque nos dias de hoje, o mundo está completamente diferente.

Então trouxe como uma pequena dica, algumas obras consideradas clássicas que são uma boa pedida e que, na minha opinião, não envelheceram mal. 

1. Dom Casmurro - Machado de Assis
Começando com uma obra nacional, claro. Vou ser sincera que apesar do protagonista principal ser o Bentinho, quem rouba a cena mesmo é a Capitu. É uma leitura que prende e o autor até hoje consegue nos fazer questionar se o protagonista era paranoico ou não, afinal, Capitu traiu mesmo o Bentinho?


2. O Pequeno Príncipe - Antoine de Saint-Exupery
Um livro curto, simples e com mensagens maravilhosas. Para todas as idades, não tem como não se apaixonar pelo garotinho que vive em um pequeno planeta com uma rosa vaidosa. É simplesmente apaixonante. 

3. Fahrenheit 451 - Ray Bradbury
Um dos clássicos das distopias, Fahrenheit 451 é um livro curto mas que nos leva a uma reflexão enorme sobre o nosso futuro e a sociedade em que vivemos. Portar um livro aqui é um crime e a sociedade onde o protagonista Guy Montag vive é alienada, gostando e não se importando de continuar vivendo assim. Definitivamente um dos meus livros favoritos, escrito em 1953 e que continue MUITO atual. 


4. O diário de Anne Frank - Anne Frank
Quando li esse livro pela primeira vez eu era bem nova. Li por conta da escola e me lembro de me emocionar muito. Eu tinha quase a idade de Anne quando li o livro e fiquei apaixonada pela forma como a garota, tão nova, colocava seus sentimentos no papel. Infelizmente ela sofreu um fim trágico nas mãos dos nazistas mas suas memórias estão preservadas nessa obra maravilhosa. 

5. Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis
Mais um livro desse autor maravilhoso. Esse livro me prendeu logo na sua introdução e não consegui largar mais. O narrador aqui está morto e a narrativa é viciante. 

6. Lolita - Vladimir Nabokov
Esse é polêmico. Uma obra muito boa, com a narrativa maravilhosa do autor apesar de seu tema tão polêmico. Me incomodou, me fez questionar e perceber que não devia confiar em Humbert, o narrador e personagem da obra. Definitivamente indico, porém, se prepare para se sentir incomodado. 

Tentei indicar as obras de leitura mais simples. Claro que tem outros clássicos ótimos mas acho que para novos leitores, esses são os que li e achei que tem a narrativa mais tranquila para os novos leitores. Se você já leu algum deles ou conhece outra obra que deveria estar aqui, coloca nos comentários. :D

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.