[RESENHA] A Canção dos Shenlongs

17 de outubro de 2019

Olá Leitores!

Páginas: 100 |Editora: Independente |Autor: Diogo Andrade | Ano: 2016

A Canção dos Shenlongs é uma fantasia nacional que conta como a obra com mais avaliações do gênero na amazon. Por parecer ser tão bom, fiquei intrigada sobre o conteúdo e já queria muito ler. Ele parece bem diferente, não é algo enorme, e isso instiga nossa curiosidade.

O livro é baseado na cultura oriental, e se  passa em no Templo de Shanjin, onde residem monges treinados em artes maciais, e é protagonizado por Mu. Ele inicia logo quando Mu presencia seu irmão, Ruk ser expulso do Templo, que antes era seu lar, por consequência de um assassinato que cometeu. 

"Há muito eu aprendera que os homens eram os verdadeiros demônios."
Mu é um personagem que sofre com a recente expulsão de seu irmão, mas entende o que precisava ser feito. Temos um breve retrospecto dos dois irmãos, sobre sua chegada a Shanjin, e percebemos que Ruk já tinha uma diferença em suas ações e conceitos desde sempre.

Logo após esse acontecimento, o Templo recebe notícias de que o Império quer invadir Shanjin, e todos precisam estar preparados. O livro não especifica em que época exatamente se passa, pois temos uma visão mais ampliada do Templo e não das aldeias e comunidades ao redor. Contudo, fica evidente que o autor buscou valorizar atributos de monges e sua cultura de forma bem fiel.

O choque cultural foi o que mais me fascinou. Ler uma fantasia é sempre bom, mas ler algo novo, que nos faz devorar e querer mais, é ótimo. A leitura carrega tantos elementos orientais, que poderia muito bem ter sido escrito por um. Mas isso evidencia o quanto o autor teve o cuidado de construir seu enredo.

"Vida e morte são caminhos que andam juntos para um shenlong."
A história se divide em três partes, e todo o livro pode ser lido em poucas horas pela facilidade que atribuo a escrita, que é leve e fácil de nos prender. No final de cada arco, há ilustrações sobre algum determinado trecho do livro. As ilustrações são ricas em detalhes e me lembra bastante traços de animes, que também carrega uma valorização cultural.

Pelo fato do livro ser pequeno, talvez algumas pessoas possam interpretar a falta de exploração em alguns acontecimentos como falha de desenvolvimento. Eu já digo o contrário, pelo que o autor me informou, haverá alguns outros livros que farão parte desse universo, e A Canção dos Shenlongs é apenas uma leitura que nos introduz a esse  universo.

Posso afirmar que há vários pontos que são deixados em aberto, e que isso nos deixa mais curiosos do que qualquer outra coisa. O final é bem ambíguo e me deixou profundamente pensativa sobre o destino de algumas pessoas. Mas fui tranquilizada quando soube que haverá mais livros por vir, e que toda parte deixada em aberto ainda terá uma explicação.

De fato, a fantasia cumpriu minhas expectativas e já estou recomendando para outras pessoas.O livro está também disponível no kinldeunlimited, para quem quiser baixar.

ADQUIRA JÁ O SEU EBOOK NA AMAZON:

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Gente, não conheço nada sobre o autor e não posso negar que não tenho maturidade para ler a palavra "shenlong" sem me lembrar de DBZ. kkk mas parece uma fantasia bem tranquilinha e rápida de ler, nada que faz a gente martelar a mente para entender as coisas. E é bom saber que ele soube como desenvolver tudo e que trará mais conteúdo desse universos em mais livros.

    Abraço,
    Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  2. Oi, Leyanne!
    Ainda não conhecia o livro, mas adorei a dica.
    Adoro uma boa fantasia e essa chamou minha atenção pela cultura.

    Beijos
    Construindo Estante || Instagram

    ResponderExcluir
  3. Pela palavra shenlong, achei que tinha algo a ver com Dragon Ball kkkkkk
    Fiquei bem intrigada com o lance da cultura, mas a quantidade de páginas pode ser um ponto negativo pra mim
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Oi Leyanne,

    Gosto de fantasias e esse livro tem um enredo bem legal.
    Achei interessante ele ser bem pequeno, mas bem trabalhado.
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Conheça o Instagram

    ResponderExcluir
  5. Oi Leyanne
    Sempre gostei muito de fantasias e achei interessante ele ter uma especie de universo compartilhado. Gostei bastante da indicação, espero ter a oportunidade de ler em breve.
    Beijos.
    Blog: Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  6. Oi! Lembrei logo de animes quando comecei a ler a resenha, eu acho bem fascinante a cultura oriental. Gostaria de conferir a obra, vou procurar. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.